quinta-feira, junho 17, 2010

Mudanças ... Um novo TUDO ...

Nova Biografia:
Nada na vida ocorreu bem como queria, desde o início sempre fantasiou alegria e sucesso.
Porém pouco fez, e devido a fértil imaginação, alterava os desejos com facilidade incrível.
Alguns desses desejos, porém, deixaram marcas, que não pode apagar... Uma delas, a idade é cruel, finalmente veio se mostrar de maneira drástica. Outra delas, porém, fez descobrir que só via aquilo que queria ver, e acreditava no que simplesmente queria acreditar.
Tardio, começou a viver, mas felizmente encontrei-me descoberto e... em descoberta!


Até aonde o pensamento pode levar-nos?

Enchi minha mente de pensamentos que só poderiam me prejudicar...
Alguns deles, claro devem ser sensatos, outros, no entanto poderiam voar.
Até ratificaria minha autobiografia, para que todos pudessem entender, eu realmente sou mais velho do que gostaria no momento que finalmente consegui entender, o início tardio não é só de acompanhar a idade que carrego, mas a capacidade de enxergar a vida em um todo. Ainda identificarei meus sonhos de garoto, e farei traçados que são capazes de me definir homem formado. Acho que a minha transição é o equilíbrio que eu tanto esperava e buscava.

Não me vejo errado por constantemente mudar, o ser humano por si só é insatisfeito e está sempre a mudar... A minha condição de acomodado só poderia retratar-me de outro planeta, que às vezes é até bom, mas por vezes é fuga e desculpa para estagnar. Novamente, coloco-me de convicções; eu não sou vítima e se não for eu a buscar, ninguém o fará por mim...

Até aonde meu constante pensamento pode me levar?

"Aonde eu quiser chegar", chega dos meus dias de pensar tragédias, eles também estavam certos, mas não me levaram para nenhum lugar. Prefiro por vez imaginar dias que deveria transbordar alegria, e com olhares apurados não deixar passar os detalhes que me fazem melhorar.

Agora estou ciente, que o que eu fazia era enganar-me...

Realmente ocorreu que meus pensamentos negativos e indevidamente insistidos fizeram-me fracassar. Vou levando da forma que estou, impulsionado pelas músicas e vontades boas que fazem pulsar meu coração. Aquele músculo que eu pensava em jogar fora, já pode se considerar aceito, bastou direcioná-lo para o que ele realmente deve se preocupar...


Agradecimentos "Espaciais" para:


[Mininu Nu Assume, por Rodrigo Cavaleiro]

6 comentários:

Tânia Meneghelli disse...

Gente!... Mas que delícia de post!!!

Olha, Rodrigo, essas coisas que você está descobrindo agora nada mais são do que amadurecimento.

É exatamente como você disse: não há mal nenhum em mudar, muito pelo contrário. A gente está mesmo sempre em busca de algo novo, faz parte, estamos vivos!

O problema é que no meio do caminho, a gente sempre encontra uma pedra. Mas isso também é muito legal, pensando bem. Afinal, é uma forma que surge pra se desafiar a si mesmo, ver até onde pode ir e o tanto que consegue suportar. E o que é mais bacana? Concluir, no final, que a gente pode muito mais do que imagina.

VOCÊ PODE MUITO MAIS DO QUE IMAGINA. Nunca se esqueça disso.

Beijoca, rapazinho pif-paf! Só meio pif-paf, tá? kkkkkk!!!!

ascka disse...

É uma bela escolha mudar o ponto de vista sobre a vida.

Karenzinha disse...

Tem um selinho pra vc no meu blog:

http://kadeniz.blogspot.com/2010/06/selinho.html

Bjss

Helena disse...

Talvez a grande sacada da vida seja o movimento... por mais que vc queira cada dia uma coisa, o importante mesmo, é ir atrás. E vc está indo, e isso me deixa muito feliz. Espero que tudo dê certo. Mesmo...! De coração.

Beijos.

Fabiana Folly disse...

O tempo passa... Passa tão rápido que fica a impressão que faltou viver alguma coisa. Mas na verdade tudo a seu tempo tudo no lugar que tem que estar... Quem dera eu aos 19 anos ter a cabeça que tenho hoje aos 29 anos, faria um monte de coisas diferentes, mas talvez não tivesse a experiência de vida que tenho hoje, aquela experiência que só as rasteiras da vida nos ensina.

Obrigado por sempre estar presente no meu blog Rodrigo. Não precisa protestar, você é melhor que todos aqueles jogadores juntos! Rsrsrs...

Beijinhos!

Tânia Meneghelli disse...

Rapaz, cadê as novidades?

Já decorei esse post, quer fazer um favorzinho de colocar outra coisa aqui, meu filho?!

Vou te cutucar até você escrever de novo. Nem que seja pra me xingar. kkkkkkkk!!!!

Beijoca!