sábado, novembro 28, 2009

Colonizados, passivos...


Vez em quando surgem ideias que são de aparência inteligente. Uma destas
descreverei neste post.


O Brasil "foi" colônia de exploração¹, nossas origens² são de bandidos, exilados, corruptos, mulheres promiscuas. Houve aqui o encontro da oportunidade³ de já mal intencionados homens com inocentes índios e uma terra fértil.

¹
O "foi" da introdução acima é para que se reflita, até hoje somos explorados. Temos dos mais diversificados minérios, recursos hídricos, fauna, flora... o quanto estamos utilizando desses recursos, e o quanto deixamos de utilizar, por privatizados estarmos, deixados, e deixamos à vontade internacional de exploradores outros.

²
Descendemos da pilantragem, Portugal e seus portugueses enviados, a escória para nossa colonização. "Somos netos e filhos das putas". Gerações de safados que estão aqui até hoje disfarçados.

³
A oportunidade bela, a visão de futuro para delitos, e isso veio a dar partida logo no início, ao roubar os índios. Os Obrigaram a cortar o Pau-Brasil. Roubar, explorar, escravizar. A imposição da vida e ação em condições miseráveis, manipulando o proletário. Percebam, não há diferença dos dias de hoje, atuais. Passivos antes, passivos hoje.
[Adivinhou quem são os índios?]

¬¬"

Seria de tempos antigos o surgimento do provérbio, "vaso ruim não quebra", talvez na perigosa viagem pelo mar, não é que chegaram todos vivos e inteiros? Não me admira estarmos vivendo como marginais, às margens do que consideramos ideal. O que incomoda, é a passividade...


Em breve eu termino os ganchos...

[Pensamento de onde viemos, por Mininu Nu]

4 comentários:

stella scrummiest disse...

Excelente. Texto digno de aplausos.
Beijos. Aguardo o próximo.

Luísa disse...

Adorei o texto. Fora algumas opiniões contrárias, concordo com tudo o que disse. Parabéns! :)

TeXucoO disse...

O que incomoda são os olhos fechados (:

Bom texto.

Beijos

bernard - belga disse...

quando teremos mais ....?